FECHAR
 
 
Iniciação à Vida Cristã: Novos tempos, novos métodos

A nossa catequese, apesar do esforço de muitos catequistas, não demostra mais o resultado esperado: inserção e vivência comunitária. Vivemos uma intensa mudança de época, que atinge todos os setores da  vida humana. Não bastam apenas algumas reformas na catequese. 

Nossa Diocese de Uruguaiana, em comunhão com a Igreja no Brasil, depois de um longo processo de discernimento e revendo toda a prática pastoral, percebeu a necessidade de atualizar os métodos para conduzir as pessoas a um real encontro com Jesus Cristo. O objetivo proposto pela Conferência dos Bispos do Brasil é uma renovação comunitária, para que nossas comunidades sejam casa de iniciação à vida cristã, querigmáticas (que faz o 1º anúncio do Evangelho), missionárias e mistagógicas (que trata do mistério). 

Precisamos assumir a inspiração catecumenal em todos os caminhos formativos dos discípulos missionários. Essa inspiração resgata a centralidade da Palavra de Deus, a integração da catequese com a liturgia, visando o seguimento a Jesus Cristo na comunidade de fé e como uma opção de vida. Trata-se do jeito de viver proposto por Jesus de Nazaré. Devemos aceitar com naturalidade essas mudanças propostas pela Igreja, que quer inculturar a mensagem cristã à Nova Época. Propomos a mudança na catequese regular, na catequese com adultos, na formação para o Batismo e na formação para o matrimônio. E, que todas as atividades religiosas, sejam desenvolvidas em chave missionária. 

O novo método é o caminho traçado pelas primeiras comunidades do cristianismo, que viveram e transmitiram a fé. O Projeto Diocesano de Iniciação à Vida Cristã (IVC) é a resposta para uma Igreja em saída, com a ousadia necessária para apresentar, anunciar e se encantar por Jesus Cristo. Quem se deixa conduzir pela Palavra de Deus, faz a experiência de ser com Jesus “um filho amado do Pai”, encanta-se com Ele e decide segui-lo. Ele é fonte inesgotável e segura para o bem de toda a humanidade. Jesus Cristo está no meio de nós e nos convida a segui-lo.

 
Indique a um amigo
 
 
Notícias relacionadas