FECHAR
 
 
Em tempo de pandemia: Diocese lança Orientações pastorais para os próximos meses

ORIENTAÇÕES PASTORAIS E LUZES PARA A AÇÃO EVANGELIZADORA  EM TEMPO DE PANDEMIA


“O Senhor interpela-nos e, no meio da nossa tempestade, convida-nos a despertar e ativar a solidariedade e a esperança, capazes de dar solidez, apoio e significado a estas horas em que tudo parece naufragar... Temos uma âncora: na sua cruz, fomos salvos. Temos um leme: na sua cruz, fomos resgatados. Temos uma esperança: na sua cruz, fomos curados e abraçados, para que nada e ninguém nos separe do seu amor redentor” (Papa Francisco).



Irmãos Padres, Religiosos e Leigos, a paz de Cristo!


Vivendo as alegrias do mês mariano, renovados na esperança pascal, confiantes e corajosos enfrentamos os desafios do tempo presente. O contexto atual impõe à evangelização inúmeras limitações. Contudo, são muitos os sinais de ressurreição e esperança presentes em nossas comunidades eclesiais, que com zelo, ousadia e criatividade buscam manter viva a chama da fé e o vigor do discipulado missionário. Precisamos continuar buscando as melhores formas e os diferentes meios para evangelizar, considerando as definições do nosso Plano Diocesano da Ação Evangelizadora 2020-2023, bem como tudo o que consta em nossos planos paroquiais. Sendo assim, a ECCO, em reunião on-line, realizada na última terça-feira (12), definiu algumas orientações e luzes para a ação evangelizadora em nossa Terra Santa, enquanto persistir a pandemia:   


VIDA DE COMUNIDADE e FAMILIARIDADE COM A PALAVRA: servir-nos dos meios de comunicação, redes sociais, homilias e programas radiofônicos para refletir a importância e o valor da comunidade. Compartilhar mensagens positivas, fazer um telefonema àqueles que estão impossibilitados de sair de suas casas, especialmente nossos idosos, como amparo e apoio espiritual neste momento de pandemia. Motivar a leitura orante da Palavra individual, mas quando possível em família, tendo como subsídio o caderno diocesano “Rezando a Palavra”;


CORPUS CHRISTI: onde for possível, descentralizar as celebrações, a fim de favorecer a participação dos fiéis e evitar aglomerações. Motivar a confecção dos tapetes nas casas, deixando-os num lugar a vista. A procissão poderá ser substituída por uma carreata com o Santíssimo Sacramento;  


JORNADA DA ANIMAÇÃO BÍBLICO-CATEQUÉTICA: ficam cancelados os três encontros previstos para acontecer nas áreas de pastoral, conforme agenda diocesana;


CATEQUESES (Batismos, Eucaristia e Confirmação): a retomada do processo acontecerá tão logo as escolas da rede pública retomem suas atividades. Será organizado um cronograma diocesano, a fim de favorecer a unidade nos encaminhamentos e nas necessárias adaptações do processo catecumenal;


FORMAÇÃO DIOCESANA: nos meses de junho e julho serão realizadas lives com temas pertinentes a missão da Igreja e a vocação de nossas lideranças e agentes em geral. As lives acontecerão no facebook da Diocese, semanalmente nas quintas-feiras às 19h, com duração aproximada de 45 min, contando com o auxílio da Equipe Diocesana de Formação. Oportunamente, faremos a motivação e sensibilização à participação; 



REVISÃO DO PROJETO DIOCESANO DE IVC: o trabalho deverá ser realizado com a colaboração das coordenações paroquiais da catequese. Oportunamente encaminharemos às paróquias um instrumento de trabalho para viabilizar uma ampla revisão do Projeto Diocesano de IVC, considerando as catequeses de iniciação: batismal, eucarística e de confirmação, também a catequese matrimonial, já formatada no estilo catecumenal;  


MISSÃO DIOCESANA: fica cancelada a 1ª etapa da missão diocesana prevista para acontecer de 12 a 14 de junho, em Itacurubi; 


AÇÃO SOLIDÁRIA EMERGENCIAL – É TEMPO DE CUIDAR: a CNBB e a Cáritas Brasileira deram início, no Domingo de Páscoa, à Ação Solidária Emergencial da Igreja no Brasil, uma iniciativa que tem como lema \"É tempo de cuidar\" e busca estimular a solidariedade, por meio de gestos concretos, como a arrecadação de alimentos, produtos de higiene e limpeza. Além de levar ajuda material às pessoas, a Campanha também busca promover o cuidado no campo religioso, humano e emocional. Sendo assim, reforcemos as ações já realizadas em nossas paróquias e busquemos envolver os grupos, pastorais e movimentos nesse grande mutirão em favor da vida; 


DÍZIMO: enviar aos dizimistas, compartilhar nos grupos via redes sociais os “cards” que estão sendo produzidos com mensagens de gratidão e conscientização; 


15ª JORNADA DIOCESANA DA JUVENTUDE: será realizada de outra forma, não mais na data prevista – 26 de setembro. A Romaria Diocesana, em outubro, será a ocasião do encontro das juventudes da Diocese; 


29ª ROMARIA DIOCESANA: diante da inviabilidade de realizar nossos encontros diocesanos, acreditamos que a Romaria Diocesana será o momento do grande encontro diocesano dos nossos agentes e lideranças. Para tanto, mobilizaremos nossas comunidades à participação no dia 25 de outubro, em Uruguaiana.  



Com sentimentos de alegria e gratidão, pelos processos que estamos realizando, mesmo em meio aos limites impostos pela pandemia, pedimos a Mãe Conquistadora e a São Miguel Arcanjo, nossos padroeiros, que intercedam a Deus por todos nós! 


Fraternalmente,



 Dom José Mário S. Angonese

 Bispo Diocesano                        


 Pe. Jonison Mallmann

 Coord. Diocesano de Pastoral

 
Indique a um amigo
 
 
Notícias relacionadas